Crianças podem frequentar uma escola anglófona no Québec?

Dúvida muito frequente dos novos residentes temporários e permanentes, é importante saber que, no Québec, mais de 80% da população tem o francês como língua materna. O francês é usado não somente na vida cotidiana, mas é também a língua de ensino da província.  A lei fundamental da língua francesa prevê que as crianças frequentem escolas francófonas até o final de seus estudos (ensino fundamental e colegial) tanto no público quanto no setor de educação privada. No entanto, em alguns casos particulares, alunos da pré-escola, primário e colegial podem frequentar um estabelecimento de língua inglesa. Os pedidos de admissão para estudos em inglês é tratado pelo Ministério da Educação e Ensino Superior (Le ministère de l’Éducation et de l’Enseignement supérieur – MEES).

E quais alunos podem frequentar a escola anglófona?

A lei prevê três casos:

– crianças estabelecidas de forma permanente no Québec e que possam obter uma declaração de admissibilidade no ensino anglófono;

– crianças estabelecidas de forma permanente no Québec e que possam estudar em inglês sob aplicação de uma autorização particular;

– crianças em situação temporária no Québec e que possam obter uma autorização especial temporária para receber ensino em língua inglesa.

De forma geral, as crianças são autorizadas a estudar em inglês caso tenham recebido a maior parte da educação primária e fundamental em inglês no Canadá, se o irmão ou irmã do estudante tiver recebido a maior parte da educação primária e fundamental em inglês no Canadá ou se o pai ou a mãe da criança tiver estudado a maior parte da sua vida em inglês no Canadá.

Crianças que apresentam dificuldade grave de aprendizado ou que necessitem estudar em inglês por razões humanitárias ou devido à uma situação grave de ordem familiar podem receber uma autorização especial.

Uma autorização temporária pode ser dada à crianças que estão temporariamente no Québec quando estão sob custódia de um estrangeiro com permissão de estudos ou trabalho ou crianças filhas de cidadãos canadenses/residentes permanentes domiciliados em outra província canadense e que se encontram temporariamente no Québec.

Para reconhecer o direito da criança à educação em inglês, os pais ou responsável legal devem entrar em contato com a organização da escola onde desejam matricular a criança. O aplicante deve preencher o formulário apropriado e anexar os documentos comprovativos ou documentos necessários para apoiar o pedido.

Fonte: http://www.education.gouv.qc.ca/ministere-de-leducation-et-de-lenseignement-superieur/

Saudade (video)

Em mais um vídeo da série “Preparação Emocional para Imigrar” com a terapeuta e coach Caroline Yu, conversamos sobre sentir saudade de casa e formas de lidar com os primeiros meses de adaptação.

Caroline Yu (Terapeuta e Coach):
contato@cyuterapiacoaching.com.br
Tel: (11) 9 9668-4235
Skype: caroline.yu_m5
www.cyuterapiacoaching.com.br

Turmas 2018 em Sala Virtual (ao vivo)

 

*Matrícula: R$290,00 (incluindo 1 hora de orientação).

*O material didático está incluso no valor do curso.

Como funciona

Seguindo a mesma estrutura que o curso de francês oferecido nas nossas unidades, o curso em Sala Virtual permite que os alunos acompanhem uma turma e participem das aula em horários fixos de qualquer lugar do mundo.

As aulas são iguais às aulas presenciais: mesmas atividades, mesmo cronograma, mesmas apostilas e com professores quebequenses. Além das aulas, cada turma tem um grupo no WhatsApp para facilitar a organização das aulas e deixar o aprendizado ainda mais dinâmico e constante.

Ao se matricular, você receberá pelo correio a apostila referente ao seu nível. No primeiro dia de aula, enviaremos o link para participar da aula. Depois disso, é só entrar, participar e se dedicar 100% para atingir o seu objetivo o quanto antes: falar francês para viver no Quebec!

As vantagens do curso em Sala Virtual

  1. Participar das aulas de qualquer lugar do mundo, no computador ou no celular.
  2. Professores do Québec ou que conhecem bem o Québec, ao vivo na sua casa ou escritório.
  3. Ter aulas ao vivo e acompanhar um grupo de pessoas que tem os mesmos objetivos promete um aumento significativo na sua motivação e assim atingir o nível necessário rapidamente.

O curso ao vivo em sala virtual é administrado pela unidade São Paulo.

 

Turmas 2018 – São Paulo

 

Próximas turmas Nível Iniciante (A1, A2.1, A2.2)

Taxa de matrícula (por pessoa, incluso taxa de biblioteca): R$290,00

Próximas turmas Nível Intermediário (B1, B2)

Taxa de matrícula (por pessoa, incluso taxa de biblioteca): R$290,00

 

Para conhecer os programas de imigração do Québec, veja a nossa última palestra online.

A taxa de matrícula é aplicável somente ao se inscrever pela primeira vez.

 

 

Turmas 2018 – Em sala virtual (Ao vivo)

 

*Matrícula: R$290,00 (incluindo 1 hora de orientação).

*O material didático está incluso no valor do curso.

Como funciona

Seguindo a mesma estrutura que o curso de francês oferecido nas nossas unidades, o curso em Sala Virtual permite que os alunos acompanhem uma turma e participem das aula em horários fixos de qualquer lugar do mundo.

As aulas são iguais às aulas presenciais: mesmas atividades, mesmo cronograma, mesmas apostilas e com professores quebequenses. Além das aulas, cada turma tem um grupo no WhatsApp para facilitar a organização das aulas e deixar o aprendizado ainda mais dinâmico e constante.

Ao se matricular, você receberá pelo correio a apostila referente ao seu nível. No primeiro dia de aula, enviaremos o link para participar da aula. Depois disso, é só entrar, participar e se dedicar 100% para atingir o seu objetivo o quanto antes: falar francês para viver no Quebec!

As vantagens do curso em Sala Virtual

  1. Participar das aulas de qualquer lugar do mundo, no computador ou no celular.
  2. Professores do Québec ou que conhecem bem o Québec, ao vivo na sua casa ou escritório.
  3. Ter aulas ao vivo e acompanhar um grupo de pessoas que tem os mesmos objetivos promete um aumento significativo na sua motivação e assim atingir o nível necessário rapidamente.

O curso ao vivo em sala virtual é administrado pela unidade São Paulo.

Como se Apresentar em Francês (VÍDEO)

Saber se como se apresentar é algo muito importante na hora de fazer uma entrevista de emprego, uma prova de proficiência, ou simplesmente ao conhecer alguém.

No video dessa semana fizemos uma pequena demonstração utilizando palavras e frases chaves na hora de se apresentar.

Deixe o seu like no video caso as nossas dicas tenham te ajudado de alguma forma e compartilhe com aquele amigo que anda meio enrolado no francês.

Merci!

Trechos de áudio-books

Ficar ouvindo rádio, trechos de audio-books ou podcasts, mesmo sem entender tudo, ajuda não somente para melhorar a compreensão oral, más também para melhoria da pronúncia e na expressão oral.

Para imigração, tanto no PEQ quanto no programa de trabalhador qualificado, a habilidade Compreensão Oral vale muitos pontos. É importante dedicar o máximo de tempo possível a essa competência.

Segue o link: https://ici.radio-canada.ca/premiere/livres-audio

Merci Radio Canada! Merci Luciano!

Mudanças nos Programas de Imigração (Vídeo)

Este ano, alguns dos principais programas de imigração ao Québec sofreram mudanças.

Saiba quais são as vantagens e como essas alterações influenciam no processo de quem vai aplicar à partir de agora.

Não deixe de se inscrever no nosso canal para acompanhar todas as atualizações e ficar por dentro do que acontece na École Québec e no Canadá.

Merci!

Trabalho no Québec: Entrevista de Emprego (Vídeo 2)

Falta pouco para a missão de recrutamento 2018. Neste segundo vídeo da série “Trabalho no Québec”, vamos te ajudar a elaborar suas respostas na hora da entrevista de emprego.

Ainda não está se sentindo seguro? Venha fazer uma preparação para entrevistas diretamente conosco. Basta entrar em contato através do nosso email e agendar um horário: contato_sp@ecolequebec.com.br

Bonne chance!

PEQ – Trabalhador Estrangeiro Temporário Especializado

Para os trabalhadores qualificados que tem um bom nível de francês, receber uma oferta de trabalho de uma empresa quebequense é um sonho possível. O programa de experiência quebequense é destinado aos estudantes de cursos elegíveis para o PGWP (permissão de trabalho pós-estudo) – e com frequência cursos que são não elegíveis para o PEQ estudo – e aos trabalhadores estrangeiros temporários que tem um emprego especializado e que respondem à certas exigências, das quais por exemplo ter um conhecimento intermediário/avançado da língua francesa. O PEQ não utiliza nenhum sistema de pontos e não leva em conta as características do cônjuge.

Para que o trabalhador qualificado possa submeter sua aplicação, ele precisa ter a intenção de residir no Québec, estar legalmente no Québec como trabalhar estrangeiro, ter ocupado um posto de trabalho qualificado (NOCs A, A ou B – e com as últimas mudanças anunciadas, os NOCs C e D passam a ser elegíveis também) em tempo integral (no mínimo 30 horas semanais) durante ao menos 12 dos 24 meses precedentes à demanda, demonstrar conhecimento em francês, demonstrar ser capaz de manter suas necessidades básicas por um período de 03 meses, ter no mínimo 18 anos e ser titular de um passaporte válido.

Os cônjuges que possuem permissões de trabalho abertas – atendendo às condições do programa – passam a poder aplicar sob as novas regras.

Trabalhos ocupados por candidatos que trabalham por conta ou em um empresa onde o candidato é também proprietário não são aceitos neste programa.

Para provar o conhecimento no francês, o candidato pode apresentar o resultado de um teste de francês oral (compreensão e produção oral CLB7 – B2 ou mais). Os testes aceitos são: TEFAQ, TCFQ, TEF, TEF Canadá, TCF, DELF e DALF.

Para os trabalhadores qualificados, é necessário esperar completar ao menos 12 meses de trabalho. Esses dozes meses de trabalho devem ser efetuados ao longo dos últimos 24 meses anteriores à demanda de CSQ. Além disso, no momento da demanda, o candidato deve igualmente ocupar um trabalho especializado, remunerado e a tempo integral.

O tempo de processamento  é de no mínimo 20 dias úteis, sem contar os prazos de postagem. No caso de dossiês incompletos, o MIDI envia aos candidatos uma carta apontando os documentos que não constam na aplicação e concede 60 dias para que o candidato complete seu dossiê ou o mesmo poderá ser rejeitado.

O CSQ não defere ao candidato a residência permanente. Caso o visto de trabalho temporário do trabalhador esteja perto de terminar, para poder permanecer e trabalhar no Canadá, é preciso obter um novo CAQ assim como uma nova permissão de trabalho temporário.