Dîners-causeries

A Catherine Potvin nossa fundadora e sócia diretora, teve a idéia de reunir nossos alunos e ex alunos para um bate papo descontraído no período do almoço. Durante esses encontros virtuais, ela falará de diversos temas. Todos os encontros serão feitos em português, e contará com a participação de todos.
No primeiro dia de palestra, dia 19/02, Catherine deixou aberto para responder perguntas de vocês, sobre qualquer assunto. Chegou a hora de fazer aquelas perguntas que sempre quiseram.
Se prepararem e façam muitas perguntas  nesse primeiro encontro. Aproveitem!

Para participar basta se inscrever pelo link abaixo: https://goo.gl/forms/zMVVxNVxyfHJw8d42

No dia da palestra todos os inscritos receberão um email com informações para entrar no encontro online.

Lembrando que os Dîners-Causerie é um serviço gratuito reservado aos alunos e ex-alunos da École Québec. O objetivo é que nossos alunos possam fazer perguntas sobre diversos temas.

Nao fique de fora!!

Datas dos próximos encontros:

05/03: Missão de recrutamento, Currículo e entrevista
26/03: Falta de mão de obra e entrevista de emprego.
02/04: Francês, façam as suas perguntas!
16/04: Aspecto Cultural: A importância do tempo
30/04: Tempestade de idéias: pontos comuns entre Québec-Brasil

Palestra online: imigrar para o Québec

O Canadá e, mais particularmente, o Québec é um dos lugares mais abertos a imigração. Existem diversas razões para isso como o envelhecimento da população, as vantagens que o multiculturalismo traz e a falta de mão de obra em algumas áreas de trabalho (TI, diversas engenharias, enfermagem e outras áreas da saúde, administração, usinagem, mecânica industrial, etc.).

Pessoas do mundo inteiro escolhem o Québec por seu alto índice de IDH, estabilidade econômica, educação pública de qualidade e boa infraestrutura.

Em parceria com a Planet Interchange, nesta palestra serão abordados os principais programas de imigração ao Quebec, qual o ideal para cada interesse e as dúvidas mais frequentes.

* A palestra acontecerá em plataforma online. No dia do evento, todos os inscritos receberão via e-mail o link para assistir ao vivo. Inscreva-se no seguinte link.

Redação do currículo para o mercado do Québec

Texto oferecido à École Québec por Camélia Chelabi, conseillère en ressources humaines

Conselhos para a redação do currículo

Os recrutadores só dedicam alguns segundos à análise do seu currículo no momento da primeira triagem. Por isso é essencial redigir cuidadosamente o seu CV para não perder a chance de causar boa impressão!

Seguem algumas dicas para a redação de um CV adaptado ao mercado do trabalho quebequense que chame a atenção.

  • A apresentação do CV deve ser impecável. O documento deve ser arejado e agradável de ler. É preciso deixar espaço entre cada segmento e escolher uma fonte adequada tanto pelo estilo quanto pelo tamanho. Para passar uma imagem de profissionalismo, as fontes muito fantasistas ou os currículos coloridos demais devem ser evitados, a menos que a indústria na qual você trabalha espere esse tipo de detalhe (meio artístico, por exemplo). A apresentação deve ser coerente e harmoniosa; cuidado então para manter as mesmas regras de diagramação ao longo de todo o CV (margens, espaços, títulos, formatos de data, etc.)
  • A qualidade do francês é muito importante! Não pode ter erros de ortografia ou de gramática. Um currículo com erros passa uma imagem de negligencia e falta de profissionalismo. Para vários recrutadores, isso pode ser um fator eliminatório da sua candidatura.
  • A concisão deve ser valorizada na redação de um CV. Prefere-se então o uso de frases simples que levem direto ao ponto. O CV deveria caber em no máximo 2 ou 3 páginas.

Agora, vamos falar do conteúdo. Seu CV deve conter as seguintes seções, na ordem a seguir:

  • Dados : nome, endereço, número de telefone e e-mail. No Québec, não se comunicam informações pessoais no CV. Por isso, evite incluir estado civil, lugar de nascimento, idade, etc.
  • Resumo ou Objetivo de carreira: Você pode, nesta seção, indicar um resumo das suas competências, como por exemplo, o número de anos de experiência na sua área, as competências particulares adquiridas durante a sua carreira, suas maiores qualidades como funcionário, etc. Certas pessoas preferem indicar nesta parte do currículo seu objetivo de carreira e o tipo de experiências que procuram.
  • Experiência de trabalho : ela deve ser enumerada da mais recente para a mais antiga. Para cada experiência, é preciso mencionar o título exato do cargo ocupado, as datas de início e fim do emprego (em formato de mês-ano), junto com uma lista das principais responsabilidades. Novamente, é preferível utilizar frases curtas e verbos de ação (coordenar, realizar, conceber, etc.) Se for pertinente, pode-se adicionar prêmios e reconhecimentos obtidos durante o emprego, clientes importantes com os quais você trabalhou (contando que não seja confidencial), ou as realizações concretas pela quais você é responsável. Poderia, por exemplo, mencionar números de vendas, porcentagens de crescimento, ou então melhorias em certos processos, etc.
  • Formações acadêmicas e profissionais : Aqui, deve-se mencionar diplomas obtidos e formações profissionais pertinentes. A menos que você seja estudante ou que tenha se formado há pouco tempo, essa seção deve sempre ser localizada depois da secção sobre experiência profissional.
  • Informações complementares : Essa parte pode-se falar sobre suas competências linguísticas, suas competências em informática, sua participação em associações profissionais ou então suas atividades fora do trabalho. Se essas informações não tiverem valor para o cargo que se candidata, então é melhor não incluir!

Nada melhor que aprender fazendo algo concreto e útil. Marcar algumas aulas particulares para redigir o seu currículo com a ajuda de um professor especializado em CV é uma estratégia 2 em 1. Você aprenderá todo o vocabulário ligado ao seu perfil profissional e terá a certeza que o seu currículo está redigido do modo quebequense e sem erros. Nossas aulas particulares podem ser realizadas presencialmente no Rio de Janeiro (21.3649.1170), em São Paulo (11.5083.2860) ou em sala virtual (contato_sp@ecolequebec.com.br).

Veja alguns modelos de currículos nos seguintes links:

Emploi Québec

Revenu Québec

Workopolis

Foire de l’emploi

Université du Québec à Montréal

Oeil du recruteur

Palestra online: imigração ao Québec, Canadá

Há 10 anos, a École Québec ensina francês para brasileiros que querem morar no Canadá. Hoje, nossos alunos conseguem a residência permanente por 2 principais programas de imigração. Nessa palestra online, Catherine Potvin, québécoise, fundadora da ÉQ apresentará esses dois programas e responderá ás dúvidas dos participantes. Além de apresentar os principais programas de imigração do Québec, ela falará sobre os cursos presenciais e online da escola assim como os serviços dos seus parceiros.

Saiba mais sobre as próximas turmas

em São Paulono Rio de JaneiroOnline ao vivo

Conheça alguns blogs de ex-alunos

Gianni Bueno

Maristela Godoy

Marcio Ribeiro

Palestra online: programas de imigração do Québec

O Canadá e, mais particularmente, o Québec é um dos lugares mais abertos a imigração. Existem diversas razões para isso como o envelhecimento da população, a falta de mão de obra em algumas áreas de trabalho e as vantagens que o multiculturalismo traz.

Pessoas do mundo inteiro escolhem o Québec por seu alto índice de IDH, estabilidade econômica, educação pública de qualidade e boa infraestrutura.
Foto Flyer EQ SP

Os nossos alunos conseguem residência permanente via dois principais programas de imigração: o programa de trabalhadores qualificados do Québec e o programa da experiência quebequense. Inscreve-se em nossa próxima palestra que acontecerá no dia 11 de outubro às 20:00. A palestra será online. Maiores informações serão enviadas aos inscritos na terça-feira.

Palestras sobre oportunidades no Canadá

Realizamos duas palestras online em agosto para explicar como os nossos alunos conseguiram a residência permanente e para apresentar a escola aos interessados em estudar francês e/ou inglês para se preparar para o Canadá.

Ainda é possível assistir a palestra no youtube. Segue o link: http://bit.ly/2bFQv2V

A apresentação powerpoint travou logo no início da palestra então resolvemos compartilhar com vocês o link do arquivo: http://bit.ly/2bqbnAv

Aproveitamos para pedir desculpas aos que tiveram que esperar pois não conseguimos iniciar no horário combinado por causa de alguns problemas técnicos.

Palestra : Viver no Quebec

Blackbird (1)

Nessa segunda palestra da série Viver no Quebec, vamos encontrar Juliana Nogueira.

Ela morou em Montreal durante aproximadamente 4 anos. Trabalhou na área financeira e decidiu voltar para o Brasil. Venha conhecê-la e ouça a sua história.

O evento ocorrerá na sexta-Feira, dia 19 de fevereiro, às 19h30, na École Québec unidade São Paulo.

Inscrições até o dia 18 de fevereiro.

Vagas limitadas!

Envie seu nome completo para o e-mail comunicacao

Obrigada Adriana pela visita

Há algumas semanas, tivemos a oportunidade de conversar com a nossa ex-aluna, Adriana, enquanto ela estava de passagem por aqui. Quinze alunos e convidados tiveram o prazer de ouvir sobre sua história de imigração. Para quem perdeu essa oportunidade, deixamos aqui um resumo.

Olá, meu nome é Adriana e imigrei pro Canadá há 5 anos e meio. Sou formada como técnica em desenho de construçao civil e tecnóloga em Edifícios pela FATEC-SP. Na época que eu imigrei para o Québec, já tinha 9 anos de experiência na área. Após dois meses, consegui um emprego em Montréal como técnica em ferroviária. Um ano depois, mudei de emprego, para trabalhar numa equipe de pontes e obras de artes. No ano seguinte, comecei minha graduação em engenharia na ETS, faculdade de Montréal.

Como muitos imigrantes, tive medo e inseguranças. Passar por todos os obstáculos só me fez ter mais certeza de que trabalhando duro e não perdendo a esperança, tudo dá certo.
10463016_944825505609096_600052981071417591_n
 
Nao perca a próxima palestra, Viver no Québec, dia 19 de fevereiro, quando receberemos Juliana Nogueira que trabalhou na área financeira em Montréal e que decidiu voltar para o Brasil.